string(7) "#ef8567" Saltar para o conteúdo principal Mapa do Site Ajuda de navegação e acessibilidade web
Teatro

O Estado do Mundo (Quando Acordas)

Formiga Atómica
11 a 28 de novembro 2021
Ensaio e processo de criacao do espectaculo

Informações técnicas

Famílias 12 novembro: 18h30
14, 21, 27, 28 novembro: 11h30
13, 14, 20, 21, 27, 28 novembro: 16h30
Escolas 11, 12, 17, 18, 19, 23, 24, 25, 26 novembro: 10h30
24 novembro: 14h30
Sessões com Língua Gestual Portuguesa 19 novembro: 10h30
20 novembro: 16h30
Sessão descontraída 21 novembro: 11h30
Sessões com audiodescrição 26 novembro: 10h30
27 novembro: 16h30
O reconhecimento de palco acontece uma hora antes do espetáculo nas sessões com audiodescrição
Conversa após o espetáculo 27 novembro: 16h30
Classificação etária M/6
Público alvo A partir dos 6 anos
Duração 60 min
Preço Escolas €3 < 18 anos / €1 escolas TEIP / Acompanhantes isentos
Preço Famílias €3 < 18 anos / €7 > 18 anos / Descontos aplicáveis
Temáticas de orientação curricular  Informação e comunicação
Raciocínio e resolução de problemas
Pensamento crítico e pensamento criativo Relacionamento interpessoal
Desenvolvimento pessoal e autonomia
Bem-estar, saúde e ambiente
Saber científico, técnico e tecnológico

Até que ponto os nossos pequenos gestos podem causar grandes impactos?

O Estado do Mundo (Quando Acordas) explora a relação de causa-efeito entre pequenos gestos e grandes consequências. Através de utensílios domésticos, aparelhos eletrónicos, bens essenciais do dia-a-dia de todos nós – eles próprios responsáveis pelas alterações climáticas – o espetáculo sublinhará uma ideia de paradoxo: entre aquilo que defendemos a respeito deste tema e a nossa incapacidade de abdicar de comportamentos do quotidiano.

 

Em cena, apenas um intérprete e uma panóplia de utensílios, retrato das nossas vidas, onde o consumo ocupa um lugar incontornável. Até que ponto os nossos pequenos gestos podem causar grandes impactos? Até que ponto uma torradeira ou um secador podem ser responsáveis por grandes desastres naturais, como um incêndio ou uma tempestade de areia? Até que ponto adicionar um cubo de gelo na bebida ou barrar o pão com manteiga são gestos sem consequência?

 

História visual que acompanha a Sessão Descontraída de O Estado do Mundo (Quando Acordas)

 

Ficha pedagógica para acompanhar o espetáculo

 

Informações artísticas

Encenação Miguel Fragata
Texto Inês Barahona e Miguel Fragata
Interpretação Edi Gaspar
Cenografia Eric da Costa
Figurinos José António Tenente
Música original Fernando Mota
Desenho de Luz José Álvaro Correia
Vídeo João Gambino
Adereços Eric da Costa, José Pedro Sousa, Mariana Fonseca e Rita Vieira (design gráfico)
Maker Guilherme Martins
Construção de cenografia Gate7
Direção técnica Renato Marinho
Consultoria Henrique Frazão
Produção executiva Ana Lobato e Luna Rebelo
Produção Formiga Atómica
Co-produção LU.CA – Teatro Luís de Camões, Comédias do Minho, Materiais Diversos e Théâtre de la Ville
Agradecimentos Ana Pereira, Andreia Luís, Beatriz Castanheira, Carlos Félix/Decolab, Carlos Miguel/IMPERSOL, Dalila Romão, David Palma, Dina Mendonça, Elisabete Pinto, Joana Ascensão, João Ribeiro, Lara Soares, Maria Mestre, Mónica Talina, Paulo Teixeira/Fablab EDP, Raquel Castro, Rita Conduto, Susana Gaspar

A Formiga Atómica é uma estrutura apoiada pelo Ministério da Cultura / Direcção-Geral das Artes.