string(7) "#ef8567" Saltar para o conteúdo principal Mapa do Site Ajuda de navegação e acessibilidade web
Teatro

Aldebarã

Marco Paiva
22 a 30 de novembro
Três dos atores do Aldearã, no meio de um arrozal. Um está vestido de astronauta, uma agarra numa mala e a terceira uma planta.

Informações técnicas

Escolas 22, 27, 28, 29 de novembro: 10H30
29 de novembro: 14H30
Famílias 23, 24, 30 de novembro: 16H30
24 de novembro: 11H30
Sessão com audiodescrição* 29 de novembro: 14H30
30 de novembro: 16H30
Sessões descontraídas Todas as sessões são descontraídas e acessíveis a pessoas surdas, uma vez que o espetáculo contêm interpretação em língua gestual portuguesa
Classificação etária M/12
Duração 50min
Preço €3 < 18 Anos
1€ escolas TEIP
€7 > 18 Anos
[descontos aplicáveis]

Portugal, 2118. Os recursos naturais da Terra estão esgotados e é necessário encontrar um outro planeta habitável – Destino: estrela Aldebarã. Missão: evitar a extinção da humanidade. Tripulação: argonautas futuristas, desajustados que o planeta Terra rejeitou.

 

ALDEBARÃ é um espetáculo teatral para a juventude construído a partir de jornadas mitológicas de heróis como Ulisses, Eneias e Jasão. Numa viagem ao desconhecido exploram-se questões como alteridade, diversidade e construção de linguagem. Este é um projeto concebido pela associação cultural Terra Amarela com um elenco de intérpretes-criadores com um perfil que se apoia na riqueza da diferença. Uma tripulação incomum numa aventura desafiadora e uma nova maneira de olhar o mundo.

 

Fotografia: ©Alípio Padilha

Informações artísticas

Encenação Marco Paiva
Texto Alex Cassal
Elenco Joana Honório, Tânia Alves, Tony Weaver e Bárbara Pollastri
de Língua Gestual Portuguesa Aldónio Pestana
Espaço Cénico Marco Paiva e Nuno Samora
Desenho de Luz Nuno Samora
Vídeo Mário Melo Costa
Música Original José Alberto Gomes
Produção Terra Amarela Plataforma de Criação Artística Inclusiva
Co-produção LU.CA Teatro Luís de Camões, Cine-Teatro louletano e A Oficina